QUE TIPO DE GERAÇÃO QUEREMOS FORMAR?
24 de agosto de 2017

QUEM AMA, NÃO MATA!

 

O Brasil alcançou a vergonhosa posição de 5ª país com maior incidência de feminicídios  – quando o crime envolve violência doméstica e/ou familiar e menosprezo ou discriminação à condição de mulher. Nos primeiros seis meses deste ano, 272 mulheres foram mortas só no estado de São Paulo. Dessas, 93 mulheres foram assassinadas pelos seus companheiros, de acordo com a SSPSP. Isso equivale a dizer que, em média, a cada 2 dias, uma mulher é vítima fatal do seu companheiro.  Motivos: ciúmes, traição, disputa pela guarda de filho(a), gravidez indesejada e não aceitação da separação por parte do companheiro. Será que está aumentando o número de feminicídios? Ou será porque esses números antes da lei do feminicídio em março/15, que além de qualificar, tornou esse tipo de crime hediondo, eram “mascarados” como homicídio simples? Ou será porque, agora esses casos estão tendo maior destaque na mídia?

Em reportagem no site G1.com, a diretora-executiva do Fórum de Segurança Pública de São Paulo, Samira Bueno disse que os crimes, no geral, são resultados do machismo. “Infelizmente o feminicídio é um crime que está presente em toda sociedade porque possuem raízes culturais. Ele está muito ligado ao machismo. A ideia de posse da mulher, como propriedade de um homem.”. Infelizmente, essa cultura machista ainda resiste, em muito devido ao fato de que nós, mulheres, muitas vezes reproduzimos essa cultura em vários momentos na educação de nossos filhos: O menino pode, a menina não pode. Essa cultura se reflete inclusive, na forma como a sociedade/autoridades ainda veem esse tipo de crime. Por que o homem a matou? O que ela fez de errado? Alguns perguntam. Não tem motivo que justifique. QUEM AMA, NÃO MATA!

 

Fonte: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/272-mulheres-foram-assassinadas-em-sp-ate-junho-quase-metade-pelos-maridos.ghtv

www.onu.org.br/

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook