445 MORTES POR HOMOFOBIA – A PONTA DO ICEBERG.

QUEM COMPARTILHA VIDEOS/FOTOS DE ESTUPRO É UM ESTUPRADOR?!
20 de janeiro de 2018
DE ADVOGADA Á FAXINEIRA – REALIDADE DA DENÚNCIA DE ASSÉDIO NO TRABALHO
22 de janeiro de 2018

445 MORTES POR HOMOFOBIA – A PONTA DO ICEBERG.

O preconceito mata! O preconceito não respeita. Só em 2017 foram 445 mortes motivadas por homofobia! 445 seres humanos foram mortos simplesmente por serem lésbicas, gays, bissexuais, transexuais ou travestis. A homofobia fez uma morte a cada 19 horas! O ano de 2017 bateu esse triste e vergonhoso recorde nos últimos 38 anos. “Tais números alarmantes são apenas a ponta de um iceberg de violência e sangue, pois não havendo estatísticas governamentais sobre crimes de ódio, tais mortes são sempre subnotificadas, já que o banco de dados do GGB (Grupo Gay da Bahia, responsável pelo levantamento) se baseia em notícias publicadas na mídia, internet e informações pessoais”, comentou Luiz Mott, fundador do GGB. Sabemos que nem todos os casos ainda são reconhecidos como homofobia.Isso, porque parte da sociedade responsável pela notificação, ainda resiste em qualificar como homofobia. Por que será? Reconhecer isso, joga na cara da sociedade o quanto existe de preconceitos idiotas que tiram literalmente vidas. É mais fácil forjar outros motivos, não importa se as custas da dignidade das vítimas. 

A organização não governamental Human Rights divulgou em 18/01 um relatório a respeito da violação dos direitos humanos no Brasil. O documento destaca que a Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos recebeu 725 denúncias de violência, discriminação e outros abusos contra a população LGBT somente no primeiro semestre de 2017. Mais uma vez, esse número não reflete todos os casos. Muitos são subnotificados. Muitas vítimas por medo, por desacreditar no sistema, ou por vergonha, não registram queixa. Medo da reação dos criminosos que em muitos casos são acobertados pelo sistema machista, no qual por experiência, não acreditam. E vergonha do julgamento da sociedade que penaliza a vítima por puro preconceito.

Vendo esses dados sinto mais uma vez, indignação e vergonha de pertencer à única espécie animal que apresenta homofobia. E ainda dizem por aí, com orgulho, que somos a espécie mais evoluída…

 

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/brasil/511111/pesquisa-aponta-recorde-de-mortes-por-homofobia-no-pais-em-2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook